Carrie Fisher, a Princesa Leia, morre aos 60 anos

a-atriz-carrie-fisher-como-a-general-organa-em-star-wars-o-despertar-da-forca-2015-1482862766812_v2_1170x540

Apaga-se uma estrela em uma galáxia muito, muito distante.

A atriz Carrie Fisher, a eterna princesa Leia, morreu na manhã desta terça-feira, 27, aos 60 anos. A informação foi dada pelo porta-voz da família Simon Halls. “É com um grande pesar que Billie Lourd confirma que sua amada mãe, Carrie Fisher, faleceu às 8h55 desta manhã”, afirma. “Ela era amada pelo mundo e sua ausência será sentida profundamente. Nossa família agradece pelos pensamentos e orações”.

landscape-1449014120-carrie-index

A atriz sofreu um ataque cardíaco no dia 23 de dezembro durante um voo que ia de Londres a Los Angeles. Assim que o avião pousou em seu destino, ela foi socorrida e encaminhada para o hospital mais próximo, onde estava sendo tratada.

Carrie era filha da também atriz Debbie Reynolds, que chegou a afirmar que o quadro de Carrie estava estável um dia antes de sua morte.

A carreira de Carrie

O primeiro trabalho de Carrie foi no filme produzido para a TV, Debbie Reynolds and the Sound of Children, em 1969. A atriz começou a estudar teatro em uma escola de drama em Londres em 1973. Dois anos depois, fez sua estreia em Hollywood ao participar do filme “Shampoo”.

Carrie ficou mundialmente famosa em 1977, após interpretar a Princesa Leia no episódio IV da saga Star Wars, intitulado “Uma Nova Esperança”, papel que a marcaria para sempre, mas que também marcaria toda uma geração. Uma personagem imponente que Carrie soube carregar muito bem, Leia não era nem de longe uma princesa indefesa aguardando um príncipe, era o cérebro de uma rebelião, uma líder para os rebeldes que mais tarde se tornaria general da rebelião. Carrie Fisher definiu o papel da heróina de hoje há mais de uma geração atrás.

Este slideshow necessita de JavaScript.

A atriz também participou de mais três filmes da saga: “O Império Contra-ataca”, de 1980, “O Retorno de Jedi”, de 1983, e “O Despertar da Força”, lançado em 2015. O próximo longa da série tem estreia prevista para dezembro de 2017, e Carrie deve aparecer na história.

Além dos longas de Star Wars, Carrie participou dos filmes produzidos para a TV, “A Cruz da Minha Vida” (Come Back, Little Sheba, 1977), com Laurence Olivier, “Ringo” (Ringo, 1978), com Ringo Star, “Esqueça o Passado” (Leave Yesterday Behind, 1978), e “The Star Wars Holiday Special”, 1978.

Mais recentemente a atriz também participou de séries “Weeds”, (2005-2012), “Side Order of Life”, (2007); e “Um Maluco na TV” (30 Rock, 2006-2013).

Nós como fãs da saga e admiradores do trabalho de Carrie desejamos toda a força do mundo para seus amigos e familiares neste momento difícil.

carriefisher2-xlarge

Descanse em paz princesa e que a força esteja com você, onde quer que esteja.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s